31 de outubro de 2010

So do I...


Partilhar a voz do coração não é vergonha para mim...

É liberdade!


So do I ... fragil como as asas de uma vida ... uma mão cheia de nada ... tudo muda ... frágil a memória da paixão!

"Nunca houve numa «vida única» uma «afeição única»: e se nos parece que há casos em que houve é que ...essa vida não durou o bastante para que a desilusão e a mudança se produzisse, ou quando se produziu ficou orgulhosamente guardada no segredo do coração que a sentiu"

Eça de Queiroz (correspondência)

1 comentário:

  1. ;-)

    http://www.youtube.com/watch?v=rz7Giz9clMM

    XXX...

    ResponderEliminar