27 de outubro de 2009

O início deste blog nasce com textos anteriormente escritos. Fazem parte da minha vida. Não nego o passado. Independente do caminho actual guardo na memória o que vivi, para que me lembre que a vida é uma constante aprendizagem, escolhas são o caminho e a VONTADE a principal premissa que tenho para conquistar a vida na plenitude. Os gritos de guerra são: Sapere Aude e Cogito Ergo Sum. Que seja insane somente quando AMO e ENTREGO a conjução de todos verbos no incondicional. Transcrevo um passagem de alguém que foi humanamente genuíno, Karol Wojtyla

AMOR E RESPONSABILIDADE

O amor, no seu conjunto, não se reduz à emoção nem ao sentimento, que não são senão alguns dos seus componentes. Um elemento mais profundo, e de longe o mais essencial de todos, é a vontade, que tem o papel de modelar o amor no homem. Na amizade - ao contrário do que sucede na simpatia - a participação da vontade é decisiva.

Sem comentários:

Enviar um comentário